Sexta-feira, 28 de Maio de 2010

Não percebia quando as mulheres falavam tanto dos netos, como se nada mais do Mundo

importasse, achava estranha a conversa e pensava que aquilo não passava de exagero.

Agora ao fim de 5 anos e meio de ser avó e de estar a chegar o 5º neto, reparo, que toda aquela

conversa não era em nada um exagero, bem pelo contrário, fica muito aquém do explicável.

É um amor diferente, descontraido, e dei comigo a pensar muito mais, na minha relação com

os meus avós. Era pura brincadeira, vontades feitas, e uma recordação tão doce  daqueles tempos.

O que mais me agrada é que essa recordação boa e doce, fique para sempre nos meus netos,

sejam quantos Deus me quiser presentear.

Agora sinto, que a mulher , não se sente realizada depois de ter os filhos, mas sim quando vê os netos,

correrem para os seus braços e darem aqueles abraços doces que só as crianças sabem.

Também gosto, é claro, do meu sossego, alturas em que não me apetece estar com eles, ou porque estou cansada

ou por outra razão, mas ter aquele pessoal aos Sábados, lá em casa, todos a brincar-mos aos Pin-e-pons, aos carrinhos ou aos bébes,

(sou eu o bébé claro)é  uma emoção, é um sentir de que a vontade de Deus está a ser cumprida.

Sinto-me tão agradecida pela descendência que deixo.



publicado por Momentos com Prlinpinpin às 18:44 | link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

...

...

...

Bruxa

...

Páginas antigas

Amor eu quero.

...

Sereia ou Baleia

Mudanças

arquivos

Janeiro 2015

Setembro 2012

Junho 2012

Dezembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Maio 2010

tags

coisas de mim

livros e patifarias.

mudanças

mudar é bom

uiiii

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds